Depois de receber muitas dúvidas de leitores sobre a segurança de viajar na América Latina, Gabi e Fabia resolveram fazer uma viagem de 45 para sentir na pele!

As duas embarcaram dia 1º de novembro de 2016 rumo ao Uruguai, Argentina, Chile, Bolívia e Peru. A ideia é investigar a realidade LGBT em cada uma das cidades visitadas e entender como os viajantes são recebidos. Elas vão falar sobre tudo isso no canal batizado de ESTRANGEIRA.

“O Turismo LGBT está em alta, mas é muito fácil ganhar dinheiro em cima da população LGBT? Difícil é ser friendly de verdade, vestir a camisa e contratar LGBTs, né? E nessa viagem é exatamente isso que vamos investigar!” escreve Gabi no blog.

A ideia do casal é compartilhar matérias e vídeos sobre as experiências vividas durante a viagem, passeios, hotéis, restaurantes e iniciativas LGBTs ou LGBTfriendlys nos destinos.

“Ser turista e LGBT faz com que as nossas viagens sejam diferentes das viagens de pessoas heterossexuais/cisgêneras. Não acreditamos que exista um tipo específico de ‘viagem gay’ ou ‘viagem LGBT’, mas há algumas preocupações e coisas que fazemos para nos proteger que nunca passariam pela cabeça de uma pessoa não-LGBT. Antes de comprar a passagem, temos que pesquisar se é permitido ser LGBT naquele destino, se existem leis, agressão física ou verbal… Acontece também de casais de gays e lésbicas passarem por constrangimento em hotéis. Mesmo quando reservamos antes um quarto com cama de casal, ao chegar na recepção muitas vezes nos deparamos com olhares, cara-feia e perguntas descabidas. Eu e Fabia já ouvimos: ‘Mas tem certeza que vocês querem cama de casal mesmo?’ Nenhum casal heterossexual passa por esse questionamento”, declararam as blogueiras. “Nós pretendemos investigar a realidade e fazemos questão de mostrar que LGBTs são consumidores e sobretudo seres humanos que merecem respeito. Vamos orgulhosas, carregando nossas bandeiras do arco-íris (literalmente) e empolgadas para explorar a América do Sul.”

post1

Fabia e Gabi escrevem o blog ESTRANGEIRA desde 2014. São casadas, ativistas LGBTs e dirigiram o “Vestidas de Noiva – Um documentário sobre o Casamento Homoafetivo no Brasil”.

Leia também:  Até que ponto insistir nesse xaveco?

 

Acompanhe a viagem delas nos canais:

Blog: www.estrangeira.com.br
Canal Youtube: youtube.com/estrangeira
Facebook: facebook.com/estrangeiraviagens
Instagram: instagram.com/estrangeiraviagens

Written by Bianka Carbonieri
Autora do Sapatômica - 25 anos, taurina, mora em São Paulo. Workaholic assumida, estudante e Psicologia. Ítalo-brasileira, é viciada em café e lasagna.