Atari se une a LGBT Media para criar mais jogos inclusivos!

A Atari, uma das maiores empresas de video game do mundo, que revolucionou ao trazer o primeiro console da história para as casas de milhares de pessoas, cumpriu a promessa que tinha feito tempos atrás e se uniu finalmente com a LGBT Media, a empresa por trás do aplicativo de relacionamento LGBTQutie.

A LGBT Media adquiriu e vai relançar o Pridefest, um jogo de construir cidades da Atari. Eles vão aproveitar a vantagem da conexão que o próprio nome do jogo tem com a comunidade LGBTIQ e incluir uma expansão. A ideia das duas empresas é criar um novo padrão demográficos para jogos que eles enxergam como ‘desatendido’.

Mas é lógico que a Atari não é trouxa nem nada, e tá mesmo é interessada na nossa grana. A Witeck Communications estimou em 2013 (e já faz tempo heim) que a comunidade LGBTIQ tem um poder aquisitivo girando em torno de US$ 830 bilhões. Não é pouca merda não, né?

E como nenhuma outra empresa de games tá aproveitando esse poder aquisitivo todo, lógico que ela quer ser a primeira.

Written by Bianka Carbonieri

Insta: @bsapatomica | 26 anos, taurina, mora em São Paulo. Workaholic assumida, estudante de Psicologia, é viciada em café e lasagna.