Como Perder Uma Mulher em 10 Dias!

Alguns comportamentos tendem a colocar o romance em perigo. Nem a paixão mais calorosa consegue aguentar certos exageros. Reconhecer os erros do outro é fácil, difícil é admitir nossa parcela de culpa. Cometer alguns deslizes é normal, o problema é cometer um atrás do outro e deixar por isso mesmo. É justamente disso que o demônio do término se alimenta, da soma de comportamentos errados e irracionais com a falta de coragem (ou de conhecimento) pra assumir e corrigir. Aqui você vai encontrar algumas dicas pra alimentar bastante esse demônio.

Um manual simples de como colocar o amor no bico do corvo!

 

[hr]
SEJA GRUDENTA

Chamego é uma delícia e todas nós gostamos. Ficamos muito felizes com aquela mensagem de “Bom dia” logo cedo. Antes das oito da manhã envie cerca de quinze mensagens melosinhas. Até a hora do almoço ligue cinco vezes falando igual criança, mande trinta e oito SMS’s, chame no whatsapp, mencione muito no twitter, escreva no mural do facebook três vezes e mande um email com poema. Antes de dormir, a caixa de entrada da moça estará cheia – bem como o saco dela, a orelha está vermelha, e ela muito irritada. Ai você aproveita pra acordá-la às três da manhã pra contar que sonhou com ela.

Grude demais incomoda. Natural que a gente queira estar em contato constante com a pessoa quando está apaixonada, mas é preciso dosar, até pra outra pessoa não enjoar da gente. Saudade também é gostoso. Pense na sua namorada como um bebê de bochechas enormes, muito fofo: você quer apertar até os olhinhos dele sairem pra fora, mas sabe que não pode, que vai machucar, que vai deixar ele bravo, então você vai com calma, dá beijinhos de leve, abraça com carinho e toma cuidado pra não estourar a pobre criancinha.

 

SEJA CONTROLADORA

Ligue pra ela a cada hora, mas dessa vez, nada de amorzinho! Pergunte pra ela onde está, com quem está, por que motivo está lá, qual calcinha está usando e, se for muito sensual, pergunte o por quê da escolha, afinal, vocês não vão se ver no dia. Faça ela trocar de roupa pra sair com você por causa da saia curta, do decote, ou simplesmente porque você acha que não ficou bonito e não vai sair com gente brega. Manda ela mudar o corte de cabelo e fazer uma dieta. Decida sozinha o que farão no fim de semana e não pergunte o que ela acha a respeito. Pra finalizar, chame atenção dela na frente das outras pessoas porque ela derrubou um pouco de maionese na roupa enquanto comia um sanduíche.

Zêlo e cuidado são consequências quando gostamos muito de alguém. Mais uma vez o grande pecado é o exagero. Lembre-se sempre de que ela não quer uma nova mãe, ela quer uma companheira. Sugerir, se preocupar e se interessar são coisas muito importantes, mas é preciso tomar o cuidado de não impor sua versão dos fatos. Namorar uma pessoa não te dá o direito de controlá-la. A vida ainda é dela!

 

SEJA MUITO CIUMENTA

Faça a namorada sinistra, vasculhe as redes sociais dela e pergunte a ela sobre cada pessoa. Se você sentir que ela omitiu algum detalhe, procure por contra própria, vasculhe as redes das pessoas que julgar suspeitas e jogue as provas na cara dela. Faça amizade com a família e os amigos dela só pra arrancar deles tudo o que puder. Revire o passado e reclame das ex dela, faça com que ela delete todas, afinal, essa coisa de amizade com ex não existe.

Um pouco de ciúme apimenta a relação. Olha lá, menina, excesso outra vez. O ciúme doentio é altamente destrutivo para o relacionamento. Não deixar que ela tenha sequer um minuto de paz sem bombardeá-la com questionamentos sobre as pessoas que a cercam também. Já conheci meninas que tinham ciúme da mãe, de famosas, de objetos (sim, de uma guitarra, mais especificamente), dos amigos. Entenda que as pessoas têm um passado, se ela quisesse a ex, ficaria com a ex. Outras pessoas chegaram antes de você na vida dela, e elas não vão deixar de existir, elas vão querer um tempo com a sua namorada e você não pode negar isso a elas. E se você tem ciúme de um objeto (mesmo que seja um vibrador) ou de uma famosa, é melhor você procurar tratamento no MADA. Uma pitada de ciúmes é importante, sim, mas a confiança também é.

Leia também:  Um Exercício para ajudar a Potencializar o Orgasmo

 

CRIE MUITAS REGRAS (QUE SÓ VALEM PRA ELA)

Imponha uma série de regras pra ela que não se aplicam a você. Diga que ela não pode ter amizade com ex, mas você pode, porque no seu caso é diferente. Diga que ela não pode sair de saia curta, mas você pode, afinal, você é baixinha e não fica vulgar. Fala pra ela que é loucura ela ter ciúmes daquela menina que curtiu suas fotos do facebook, mas quando você teve ciúmes dela era normal, afinal, a menina tinha cara de biscate, era uma situação completamente diferente.

É humano achar que as coisas que os outros fazem são piores do que as que nós fazemos, mas quando se trata de namoro é preciso controlar isso e tentar olhar melhor a situação. Se vocês acharem que certo comportamento não é legal e combinarem de não praticar tal coisa, tudo bem. Mas você precisa saber identificar quando está burlando suas próprias regras. Certas coisas não são diferentes só por que foi você quem fez. O seu erro não é menor do que o dela só porque a infração foi sua. Em um relacionamento, essa história de que ‘pimenta nos olhos do outro é refresco’ não funciona.

 

TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES

Observe o comportamento dela e julgue de imediato, sem perguntar nada. Se encontrar alguma coisa suspeita no celular dela, põe o dedo na cara e chama de traíra, e quando ela disser que é a tia dela do interior, mande ela parar de mentir descaradamente. Se encontrar uma cueca nas coisas dela pergunte se ela está saindo com um homem, e se ela disser que usa pra dormir porque é confortável pergunte se ela pensa que você é idiota.

O fato é que não podemos acreditar em tudo o que nos dizem, mas é preciso ouvir e pensar antes de fazer um julgamento precipitado. Diálogo é muito melhor do que um monólogo, é preciso dar espaço pro outro falar, conversar mesmo quando você achar que tem certeza e, é claro, tomar as decisões com calma depois.

 

SEJA MIMADA

Se ela não concordar com você, faça escândalo! Seja o assunto  futebol ou a escolha do restaurante onde vocês vão comer no sábado. Não importa se ela é alérgica a peixe, você quer comer temaki, ela que tire todo o salmão e coma arroz com alga. Bata o pezinho e faça bico toda vez que ela tentar negar alguma coisa pra você, o que quer que seja. Você não começou a namorar pra ouvir não, não é mesmo?

Flexibilidade, por favor né? E maturidade também. Ninguém merece ter uma criança birrenta como namorada. E não cabe a ninguém educar a namorada, a gente espera que bom-senso venha de fábrica. É preciso pensar em vocês como um conjunto. Sem egoísmo e sem achar que a outra pessoa é obrigada a se submeter às suas vontades.

[hr]

 

Se quiser mesmo perder uma mulher: aja irracionalmente e, por tudo o que é mais sagrado, não vai me inventar de se colocar no lugar dela, tá?

 

[hr]

Written by Leticia Cardoso

23 anos, gastrônoma por formação, confeiteira por paixão, eterna estudante e blogayra nas horas vagas