Disque100 promoveu oficina para qualificar registro de denúncias relacionadas à população LGBT.

Siga o blog no Instagram e no Twitter!

 

A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), em parceria com Conselho Nacional de Combate à Discriminação e Promoção dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (CNCD/LGBT), realizou nesta quarta-feira (25) uma oficina para qualificar o registro de denúncias relacionadas à população LGBT no Disque 100.

Com essa iniciativa, espera-se aprimorar o processo de atendimento das demandas referentes ao públicoLGBT, que inclui o registro, tratamento e encaminhamento das denúncias. Em 2014, o Disque 100 recebeu 1.013 denúncias de violação de direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais.

Participaram da capacitação os conselheiros do CNCD/LGBT, colaboradores da central de atendimento do Disque 100 e representantes da Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos da SDH/PR. A iniciativa deverá ser expandida para outras áreas temáticas como crianças e adolescentes, idosos e pessoas com deficiência.

“É fundamental que o Disque 100 esteja cada vez mais qualificado para atender as denúncias de violações dos direitos da população LGBT, que infelizmente cresce, o que ratifica ainda mais a importância do Congresso Nacional aprovar uma lei específica que criminalize a Homofobia”, disse a ministra Ideli.

Disque 100: É um serviço mantido pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da Repúblicapara receber denúncias e reclamações sobre violações de direitos humanos, em especial as que atingem populações com maior vulnerabilidade. Criando em 2011, o Disque 100 funciona 24 horas por dia, sete dias por semana. As ligações podem ser feitas a partir de telefone fixo ou celular, de qualquer estado do país, o anonimato é garantido. Todas as denúncias recebidas são encaminhadas, no prazo máximo de 24 horas, aos órgãos competentes para apuração das responsabilidades.

Informação: SDH (Secretaria de Direitos Humanos)

 

Written by Bianka Carbonieri

Insta: @bsapatomica | 26 anos, taurina, mora em São Paulo. Workaholic assumida, estudante de Psicologia, é viciada em café e lasagna.